Menssagem de erro

  • Notice: Trying to get property of non-object em espm_blog_banner_post_node_access() (linha 30 de /var/www/html/espm/portal/www/sites/blog/modules/custom/espm_blog_banner_post/espm_blog_banner_post.module).
  • Notice: Trying to get property of non-object em espm_blog_banner_post_node_access() (linha 30 de /var/www/html/espm/portal/www/sites/blog/modules/custom/espm_blog_banner_post/espm_blog_banner_post.module).
  • Notice: Trying to get property of non-object em espm_blog_banner_post_node_access() (linha 30 de /var/www/html/espm/portal/www/sites/blog/modules/custom/espm_blog_banner_post/espm_blog_banner_post.module).
  • Notice: Trying to get property of non-object em espm_blog_banner_post_node_access() (linha 30 de /var/www/html/espm/portal/www/sites/blog/modules/custom/espm_blog_banner_post/espm_blog_banner_post.module).
  • Notice: Trying to get property of non-object em espm_blog_banner_post_node_access() (linha 30 de /var/www/html/espm/portal/www/sites/blog/modules/custom/espm_blog_banner_post/espm_blog_banner_post.module).
  • Notice: Trying to get property of non-object em espm_blog_banner_post_node_access() (linha 30 de /var/www/html/espm/portal/www/sites/blog/modules/custom/espm_blog_banner_post/espm_blog_banner_post.module).
  • Notice: Trying to get property of non-object em espm_blog_banner_post_node_access() (linha 30 de /var/www/html/espm/portal/www/sites/blog/modules/custom/espm_blog_banner_post/espm_blog_banner_post.module).
  • Notice: Trying to get property of non-object em espm_blog_banner_post_node_access() (linha 30 de /var/www/html/espm/portal/www/sites/blog/modules/custom/espm_blog_banner_post/espm_blog_banner_post.module).
  • Notice: Trying to get property of non-object em espm_blog_banner_post_node_access() (linha 30 de /var/www/html/espm/portal/www/sites/blog/modules/custom/espm_blog_banner_post/espm_blog_banner_post.module).
  • Notice: Undefined variable: crumbs em blog_espm_breadcrumb() (linha 27 de /var/www/html/espm/portal/www/sites/blog/themes/blog_espm/template.php).

Criação de figurino

Autor: Luna Rocha
15 out
Estudantes de Moda da ESPM Sul criam figurino para espetáculo de dança contemporânea

Alguns dos figurinos do espetáculo SeteOito, criados pelas estudantes de Design de Moda da ESPM Sul, Stanzi Fensterseifer e Victória Capaverde. Foto: Luciana Mena Barreto

O figurino de um espetáculo teatral não é composto apenas por vestimentas. Muitos outros elementos e significados estão envolvidos no processo de concepção. Cada um deles carrega a função de transparecer sentimentos e valores, por meio da interpretação de suas cores, texturas e formas. No olhar do espectador, acontece a identificação do simbolismo apresentado no conjunto das peças de roupas associado aos elementos cênicos. A garantia de que a mensagem certa será bem comunicada por intermédio das vestes é o resultado do trabalho de figurinistas que estudaram o tema da apresentação e souberam traduzi-lo na forma de tecidos e assessórios que compõem o perfil das personagens e a atmosfera da peça. Para a realização disso, é necessário levar em consideração diversos aspectos, como temperamento das personagens, orientações de iluminação e espaço do palco a ser utilizado, o conceito por trás do roteiro e a forma física dos intérpretes.

À frente da produção dos figurinos do espetáculo de dança contemporânea SeteOito, estão duas alunas do curso de Design de Moda da ESPM Sul, Stanzi Fensterseifer e Victória Capaverde, orientadas pelo professor Antonio Rabadan. Para iniciar o processo de confecção as estudantes assistiram ao ensaio da peça – que tem direção cênica da atriz e diretora Claudia Sachs e atuação dos bailarinos Marco Fillipin e Thais Petzhold –, e fizeram análises do que seria necessário para a realização de cada cena e se, para facilitar a movimentação no palco, seriam exigidas roupas mais flexíveis ou tecidos mais resistentes.

O espetáculo tem como intuito oferecer ao público a reflexão sobre um mundo dinâmico onde a impermanência é essencial à vida. Revelar que as combinações são infinitas e que a vida é movimento. Levando em consideração que a obra tem como objetivo retratar tipos de relações entre pessoas, cada troca de figurino foi pensada com um propósito individual: as roupas íntimas fazem referência à parte mais pessoal dos relacionamentos, como diálogos delicados, brigas, amores; as vestes formais caracterizam dois aspectos, eventos mais sociais que muitos casais frequentam e o dia a dia de trabalho; já as roupas largas e casuais tem a intenção de desfigurar os atores, com estruturas que aumentam os braços e impossibilitam o contato entre eles, demonstrando o afastamento em uma relação, seja ele na base do romance ou amizade. 

Com grande experiência na área  de espetáculos teatrais, o professor, cenógrafo e figurinista Antonio Rabadan  propõe o estudo  conceitual para essa montagem,  na qual Stanzi e Vitoria realizaram uma análise dos moldes e materiais que poderiam ser reutilizados de um projeto anterior, o desfile Senso Fashion Day, realizado em junho na ESPM Sul. Esse processo ocorreu junto com a direção e o elenco do espetáculo. O SeteOito propõe a interação com o público, que é convidado a intervir em todos os momentos do espetáculo, desde a construção do roteiro até a decisão do desfecho que ele trará. A participação da plateia se dá na escolha das combinações entre coreografias, trilhas sonoras, objetos cênicos e até mesmo figurinos. Refletindo em cima disso, as alunas optaram por manter o padrão xadrez das estampas, que tem como propósito estabelecer uma visão mais comum das roupas, gerando empatia com o público ao fazer com que qualquer espectador possa se colocar no lugar dos atores.

Em companhia de toda equipe (direção e elenco), foi exposto o projeto, pretendendo captar a opinião do grupo sobre a sinalização dos ajustes finais (elaboração das modelagens necessárias para a produção e reedição dos trajes). Em sequência, foi produzido um ensaio fotográfico com o elenco, visando o caimento e efeito visual das peças de roupas para o material de divulgação.

A temporada do espetáculo SeteOito começa em 23 de outubro e se estende até o dia 8 de novembro, de sexta a domingo, às 20h, na Casa Cultural Tony Petzhold (Av. Cristóvão Colombo, 400), em Porto Alegre.Veja abaixo o álbum de fotos com os figurinos:

  • Compartilhe:

Quem Escreve?

imagem de Luna Rocha

Luna Rocha

Relacionados